0

Mangolin expõe na Câmara proposta de 6,46% de reajuste para os profissionais da educação

Posted by Willian Scaliante on 10:21 in , ,
A sessão de segunda, 6,  da Câmara Municipal de Vereadores de Colíder contou com a presença da secretária de educação, Tereza Mangolin, que deu explicações sobre a receita e folha de pagamento da educação.
A pauta mais debatida foi o reajuste salarial dos funcionários da educação. A prefeitura pode pagar um reajuste de 6,46%, porém o sindicato (Sintep) reivindica 15,85% de aumento. Desde 2005, inicio da gestão Celso Bazeski, o salário dos profissionais da categoria já foi reajustado em 135,66%, sendo que o índice inflacionário do mesmo período foi de 42,24%. Ou seja, houve um aumento real de 93,42% nos salários.
De acordo com a secretária os 15,85% pedidos pelo sindicato, é baseado em um aumento do governo federal em cima do piso. Sendo assim, como o salário em 2010 era maior que o piso, uma proposta de 6,39% da prefeitura seria o suficiente para igualar o aumento do governo federal.
Em 2010 a receita da Secretaria de Educação era de R$8.924.847,48, sendo que folha salarial era de R$6.319.606,89. Do valor total da receita 70,8% eram destinados para a folha de pagamento e o restante para novos investimentos e manutenção do setor, incluindo alimentação e transporte. “A Secretaria levou a exposição que já esta trazendo desde as primeiras negociações. Os números lá apresentados retratam verdadeiramente o que a secretaria dispõe e investe”, explicou Mangolin.
A secretária afirmou que um novo diálogo deve acontecer no dia 7 deste mês, com a presença do prefeito, sindicato, vereadores e Secretaria de Educação.

|

Copyright © 2009 Acorda All rights reserved. Theme by Laptop Geek. | Bloggerized by FalconHive.